14
Sáb, Dez

Criticado por torcida do Santos, Bolsonaro assiste ao jogo na Vila Belmiro

O presidente Jair Bolsonaro assiste ao clássico paulista Santos X São Paulo

Brasil
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
Texto: InServer
Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro foi à Vila Belmiro (SP) neste sábado (16.nov.2019) para assistir à partida entre Santos e São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. Foi a 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. O clássico foi morno e terminou no 1 x 1.

O Santos abriu vantagem com Carlos Sánchez e marcou o 1º gol em uma cobrança de pênalti aos 8 minutos do 1º tempo. Depois, Daniel Alves empatou para o time do São Paulo, aos 9 minutos do 2º tempo. Com o resultado, o peixe se manteve em 3º lugar e o São Paulo continuou na 5ª colocação, fora da classificação direta para a fase de grupos da Libertadores de 2020.

Ao ir à arquibancada do estádio, Bolsonaro foi vaiado por alguns dos torcedores e chamado de “mito” por outros.

 

O estádio Urbano Caldeira, mais conhecido como Vila Belmiro, recebeu 14.062 torcedores na tarde deste sábado (16.nov.2019) e arrecadou R$ 602.192,50.

Torcedor do Palmeiras, Bolsonaro chegou aos camarotes do estádio com uma camisa do Santos e ao lado do presidente do time, José Carlos Peres.

O fato causou desconforto na torcida Jovem do Santos. Em nota, a principal torcida organizada do clube repudiou a presença de Bolsonaro. Disse que os posicionamentos ideológicos do presidente são “incompatíveis com a pluralidade social, racial, étnica e cultural da torcida santista e de toda a história de luta da TORCIDA JOVEM contra a ditadura militar”.

 

Inscreva-se através do nosso serviço de assinatura de e-mail gratuito para receber notificações quando novas informações estiverem disponíveis.